Natal

Devido corte no salário dos grevistas, servidores da saúde ocupam Prefeitura do Natal

Foto: Sindsaúde

Servidores municipais estão neste momento dentro do prédio da Prefeitura do Natal, em protesto contra o desconto nos salários dos grevistas. O protesto foi convocado pelos sindicatos do município, após o corte que atingiu servidores das Secretarias de Saúde (SMS) e Assistência Social (Semtas). Os servidores exibem os contracheques, com o valor descontado.

No final da greve, que durou 80 dias, a Prefeitura enviou um documento aos sindicatos (Sindsaúde, Sinsenat, Sindguardas, Sindern, Soern), com o compromisso de não implantar o corte de ponto, que seria discutido em uma mesa de negociação. Mesmo assim, os descontos foram feitos. Durante o carnaval, o prefeito em entrevista a uma rádio, confirmou o desconto e chamou a greve de ‘ilegal’.

Em alguns casos, o desconto atingiu quase todo o salário, praticamente zerando o contracheque. Uma servidora recebeu R$ 24,00. Outros receberam cerca de um terço do salário. “O corte ameaça a sobrevivência, pois é o nosso único sustento. Já passamos o Natal sem salário, e agora também o carnaval? E como vamos comer neste mês?” questiona Kelly Jane, técnica de enfermagem e diretora do Sindsaúde.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.