Desmatamento na Amazônia em abril bate recorde, mostra Inpe

Desmatamento na Amazônia em abril bate recorde, mostra Inpe

Desmatamento na Amazônia em abril bate recorde, mostra Inpe

Romário Nicácio maio 7, 2021 Destaques

O desmatamento na Amazônia em abril de 2021 foi o maior para o mês na série histórica, com 580,55 km2 registrados, divulgou o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) nesta sexta-feira (7).

O recorde anterior para o mês havia sido registrado em 2018 (489,52km2) e o valor deste ano é cerca de 42% maior do que o computado em 2020 (407,2km2). Esse é o segundo mês consecutivo de recorde no desmatamento da Amazônia Legal e o valor registrado em abril é maior do que a soma dos três primeiros meses do ano (576,15km2).

Outro dado preocupante é que a soma do que foi derrubado na área entre janeiro e abril é de 1.156,7km2, o segundo pior resultado desde o início da série histórica, ficando atrás apenas de 2020.

O governo federal vem sofrendo bastante pressão internacional sobre o tema e o presidente Jair Bolsonaro se comprometeu, por carta enviada a Joe Biden e em discurso na cúpula da última semana, que o país cumpriria a meta de zerar o desmatamento na Amazônia Legal até 2030.

 No entanto, denúncias de diversos servidores públicos e organizações de proteção ambiental acusam o governo de desmantelar e paralisar as ações de combate ao desmatamento ilegal na região.

Amazônia Legal

A Amazônia Legal é uma área que engloba nove estados do Brasil pertencentes à bacia Amazônica, instituído pelo governo federal via lei 1 806/1953, reunindo regiões de idênticas características, com o intuito de melhor planejar o desenvolvimento socioeconômico da região amazônica.

Do Portal N10 com Agência ANSA

Outros artigos