Futebol Potiguar

América vence fora de casa e decide liderança do Estadual no sábado (3)

O América foi até a cidade de Mossoró e, na noite desta quarta (28), no Estádio Nogueirão, repetiu o placar do primeiro turno e venceu o Potiguar por 2 a 0 com gols de Adriano Pardal e Mateus. Com o resultado, o alvirrubro natalense chegou aos sete pontos e disputará a liderança da Copa RN, que equivale ao segundo turno do Campeonato Estadual, com o ABC no próximo sábado (3), às 18h, no Estádio Maria Lamas Farache.

Para o Clássico Rei, o técnico Pachequinho não poderá contar com o volante Robson, suspenso em razão do terceiro cartão amarelo, e com o lateral Guilherme, expulso.

FICHA TÉCNICA

Potiguar 0x2 América
Local: Estádio Nogueirão, Mossoró/RN
Data: 28 de fevereiro de 2018, às 21h15
Gols: Adriano Pardal (6’/2ºT) e Mateus (48’/2ºT);

América: Thiago Braga; Guilherme, Richardson, Adriano Alves e Mayk; Robson (Mateus), Judson, Juninho Tardelli e Nem (Jeam); Adriano Pardal (Thyago). Técnico: Pachequinho

Potiguar: Jaime; Jackson, Ronaldo, Wellerson e Leandro Mendes; Yago, Sorriso, Lucas Santos e Romeu; Gabriel Maia e Sávio. Técnico: Emanoel Sacramento

Read More...

Futebol Potiguar

ABC vence o Baraúnas e segue invicto no returno do Campeonato Potiguar

Em jogo disputado na noite desta quarta-feira (28) no estádio Frasqueirão, o ABC venceu o Baraúnas por 3 a 2 em partida que marcou a abertura da terceira rodada do returno do Campeonato Potiguar.

Os gols do duelo foram marcados por Tonhão e Higor Leite (2) para o ABC, enquanto Nininho e Kenedy, fizeram os gols do Baraúnas. Com a vitória, o alvinegro vai a nove pontos e mantém a liderança da competição, já o Baraúnas permanece sem nenhum ponto, porém com um jogo a menos.

A próxima partida está marcada para o sábado (3), no clássico contra o América, às 18h, novamente no Frasqueirão.

O JOGO

O alvinegro poupou alguns atletas, porém não aliviou o ritmo no início do jogo. O clube da capital abriu o placar com Tonhão ainda na primeira parte do primeiro tempo e viu o resultado se ampliar ainda mais com dois gols de Higor Leite (um de falta e um finalizando da entrada da área). O alvinegro ainda teve chance de ampliar a boa vantagem com Jardel e Maxwell, porém quem marcou mesmo foi o Baraúnas. Nininho, em jogada pela esquerda, e Kenedy, finalizando rasteiro, decretaram o placar da primeira etapa em 3 a 2.

Na segunda etapa, menos chances que na primeira e alguns contra-ataques do Baraúnas que quase acabaram em gol. Houveram finalizações perigosas de Kenedy e Diego Mipibu (em duas oportunidades), para o Baraúnas, enquanto Wallyson assustou a meta do goleiro Yuri, para o ABC.

Read More...

Destaques, Dicas

Microempreendedor com CNPJ cancelado pode se regularizar

No início deste ano, 1,3 milhão de Microempreendedores Individuais (MEI’s) tiveram seus CNPJ cancelados em todo o Brasil. Somente no RN, quase 17 mil deles tiveram registro cancelado em 2018. Caso não se regularizem, os contribuintes poderão até ter seus bens penhorados. Com o Núcleo de Apoio Fiscal e Contábil (NAF) da faculdade Estácio Alexandrino, os microempresários podem verificar suas situações e renegociar os débitos.

Os cancelamentos aconteceram por inadimplência da guia do imposto mensal ou por falta de envio da declaração anual (DASNSIMEI) referentes aos anos de 2015 e 2016, como explica a professora de Contabilidade da Estácio, Lyana Gurgel. “Os débitos do MEI migrarão automaticamente para o CPF vinculado e, a não regularização de fato, ocasionará multas e prejuízos para o contribuinte. Se esses débitos forem inscritos na dívida ativa para fins de cobrança judicial, terá a possibilidade de penhora de bens”, afirma.

Os microempreendedores que não têm a certeza sobre a sua situação, podem comparecer ao NAF para consultar seu cadastro e, caso desejem, poderão se regularizar e pagar suas contribuições em atraso. No entanto, não será mais possível utilizar o CNPJ cancelado. “A única possibilidade é de parcelar os débitos em até 60 vezes, e depois criar um novo CNPJ”, explica.

O Núcleo de Apoio Fiscal está localizado nas instalações da Estácio Alexandrino, na Rua Alexandrino de Alencar, Nº 708, bairro Alecrim. Os dias e horários de atendimento são todas as terças-feiras das 16h às 18h30 e sextas-feiras das 18h30 às 21h.

Read More...

Destaques, RN

Gastos com previdência no RN somaram R$ 90 milhões por mês em 2017

Apesar de o governo suspender a votação da reforma da Previdência por conta da intervenção federal na segurança do Rio de Janeiro, o assunto ainda tem mobilizado estados e municípios. No Rio Grande do Norte, por exemplo, o déficit da Previdência é de R$ 90 milhões mensais.

Os dados foram informados pelo governo potiguar à Rádio Mais. Ao todo, quase R$ 3 bilhões foram gastos com pagamentos de aposentadorias e pensões de servidores públicos estaduais em 2017. No ano passado, o déficit total foi de R$ 1,3 bilhão de reais.

Para efeito de comparação, o governo do Rio Grande do Norte informou que a educação recebeu no ano passado investimentos de mais de R$ 1,2 bilhão. Por conta desse desequilíbrio nas contas públicas, especialistas acreditam que a “aprovação da reforma da Previdência precisa ser feita uma hora ou outra”.

O economista e cientista político Paulo Tafner explica que o dinheiro destinado para aposentadorias e benefícios tem se tornado uma tendência em todo o país. “A reforma da Previdência é necessária porque o Brasil gasta demais com Previdência social e assistência. Nós gastamos aproximadamente 12% do PIB com isso. E é um número muito alto comparado aos demais países do mundo, que são muito mais velhos que o Brasil e que gastam algo semelhante. Nós temos que enfrentar a questão da reforma previdenciária”, detalhou.

No Rio Grande do Norte, as cidades de Natal e Parnamirim concentram a maior parcela de idosos no estado. Só na capital, mais de 10% da população dos mais de 800 mil habitantes tem 65 anos ou mais. Em Parnamirim, esse índice chega a 7%.

O economista Otto Nogami ressalta que isso é um ponto positivo, mas alerta que há reflexos diretos na Previdência Social.

“Esse é um assunto que está em pauta desde o início da década de 80. Vai governo, vem governo e sempre se toca nessa questão. É inevitável que, à medida que a expectativa de vida da população aumenta, o próprio regime previdenciário tem que passar por uma série de revisões para se adequar à nova realidade”, explica Nogami.

Reforma

De acordo com a proposta do governo, os trabalhadores do setor privado e servidores públicos deverão seguir as mesmas regras, com um teto de R$ 5,5 mil para se aposentar e sem a possibilidade de acumular benefícios. Já para os trabalhadores rurais, idosos e pessoas com deficiência sem condições de sustento, as regras não terão mudanças.

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, afirma que adiar a votação da reforma da Previdência nesse momento não se trata de um recuo. De acordo com ele, a questão é priorizar a segurança da população de um estado que há anos convive com a violência.

Read More...

RN

Mulheres do Rio Grande do Norte treinarão defesa pessoal de graça

Durante o mês de março, em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, a Federação Sul Americana de Krav Maga vai realizar, em todo o Brasil, aulas especialmente voltadas para elas. O objetivo é mostrar que a defesa pessoal israelense é eficiente para que as mulheres estejam mais atentas no seu dia a dia e que é possível se defenderem em qualquer situação, mesmo contra agressores maiores ou mais fortes.

Durante o mês, a programação será a mesma para todas as academias credenciadas pela Federação no Brasil, Argentina e México. Os exercícios vão simular os tipos de ataques mais frequentes para elas – roubo de bolsa, agressão, puxão pelo braço ou pelo cabelo, enforcamento, estupro, entre outros.

As mulheres interessadas, que devem ter 14 anos ou mais, deverão obter um convite para um mês de treinamento gratuito na academia mais próxima (verificar as possibilidades de academias credenciadas no www.kravmaga.com.br ). Já no dia 11 de março, o treinamento será especialmente voltados às alunas já praticantes do Krav Maga.

“Nosso objetivo é que as mulheres percebam que elas podem se prevenir contra a violência, mudando a forma com que elas lidam com o medo e com sua autoestima”, afirma o israelense Grão-Mestre Kobi Lichtenstein (faixa-preta – 8º Dan), introdutor do Krav Maga no Brasil e fundador da FSAKM.

Desenvolvido em Israel, na década de 40, por Imi Lichtenfeld, o Krav Maga não é uma arte marcial e sim a única modalidade reconhecida mundialmente como arte de defesa pessoal. Foi criado para que, a partir do treinamento adequado, qualquer pessoa – independentemente de sua idade, sexo ou forma física – possa se defender de um ou mais agressores, armados ou não, usando técnicas simples e eficazes.

Grão Mestre Kobi explica que, com a violência crescente nas ruas ou mesmo dentro de casa, as mulheres precisam estar preparadas para se proteger e para proteger seus filhos. “O treinamento de Krav Maga dá a essa mulher a condição psicológica e física para que ela vença o medo e seja ativa no combate à violência, nem que seja por meio da denuncia”, afirma Grão Mestre Kobi.

Krav Maga para as mulheres

A violência contra a mulher no Brasil aumenta ano a ano. Dados da pesquisa feita pelo Datafolha e encomendada pelo Fórum Brasileiro de Segurança (base 2016) são alarmantes:

· 503 mulheres brasileiras são vítimas de agressão física a cada hora.

· Em 61% dos casos, o agressor é um conhecido; em 19% das vezes, eram companheiros atuais das vítimas.

· 43% das agressões ocorreram dentro das casas das vítimas.

· 40% das mulheres acima de 16 anos já sofreram algum tipo de assédio.

· 5,2 milhões de mulheres já sofreram assédio em transporte público.

· 20,4 milhões de mulheres já receberam comentários desrespeitosos nas ruas.

· 2,2 milhões de mulheres já foi beijada ou agarrada sem consentimento.

· 10% das mulheres já sofreram ameaça de violência física.

· 8% das mulheres sofreram ofensa sexual.

· 4% receberam ameaça com faca ou arma de fogo.

· 3% (ou 1,4 milhões) de mulheres sofreram espancamento ou tentativa de estrangulamento e 1% levou pelo menos um tiro.

Hoje, 30% dos praticantes de Krav Maga em todo o Brasil são mulheres e essa marca vem crescendo. Isso porque se trata de um modo eficaz de defesa e de prevenção à violência.

Por meio dos treinos, as mulheres aprendem a superar obstáculos físicos e mentais, adquirem coragem e confiança em si mesmas, equilíbrio emocional, mudam a postura frente à vida, a si próprias e ao seu oponente.

Quando as mulheres descobrem que, apesar de não terem a mesma força física do homem, elas são capazes de se defender de forma simples, com movimentos rápidos e eficientes, elas adquirem confiança, se não para se defenderem, ao menos para efetuarem uma denuncia.

O Krav Maga mostra à mulher que ela pode fazer parte da solução para as agressões a ela e a seus filhos e, com isso, ela muda a sua postura frente ao risco.

Read More...