Portal N10

Cresce busca por intercâmbio por pessoas com mais de 30 anos

Houve aumento de quase 30% na procura de intercâmbio por pessoas entre 30 e 60 anos

Sair do país de origem em busca de novas experiências acadêmicas e para se aperfeiçoar em um novo idioma era comumente feito por adolescentes ou jovens na faixa dos 20 anos. Esse contexto, no entanto, vem mudando. De acordo com pesquisa da Belta (Brazilian Educational & Language Travel Association), entre 2015 e 2017, houve um aumento de quase 30% na procura de intercâmbio por pessoas entre 30 e 60 anos. Esse público procura outros países para estudar novas línguas.

As agências de intercâmbio no mercado oferecem pacotes com cursos para pessoas com mais de 30 anos, além de modalidades de ensino da língua direcionadas para o mundo corporativo, como “inglês para negócios”. Fora do período de férias, é mais fácil encontrar pessoas mais velhas e, assim, fazer networking. Os adultos procuram esse tipo de imersão porque são cobrados para ter um segundo ou até um terceiro idioma para assumir cargos de chefia.

Principais países para se fazer intercâmbio

Quando se fala em escolher países para fazer um intercâmbio, não existe uma opção que seja melhor que as outras. A viagem depende de vários fatores, como objetivo do estudante, se ele pretende trabalhar, qual língua pretende praticar, entre outros. Mas há alguns países que são mais procurados para uma imersão na cultura e na língua inglesa. Confira:

1 – Canadá

O país possui algumas das melhores universidades do mundo e um elevado índice de desenvolvimento. Por este motivo, é queridinho entre os intercambistas para estudar um novo idioma, ainda mais com a alta do dólar. Toronto e Vancouver são as principais cidades escolhidas. Além de ter boas instituições de ensino, o país tem diversos atrativos turísticos e naturais e pode ser aproveitado por públicos diferentes.

2 – Austrália

    A Austrália ficou nos holofotes – sobretudo – nos últimos anos. Os motivos são variados: infraestrutura invejável, universidades de ponta, paisagens exuberantes, facilidade de visto e permissão para turistas poderem trabalhar. Com uma rica diversidade cultural e um povo receptivo, se tornou um destino muito cobiçado por brasileiros e outras nacionalidades para fazer um intercâmbio.

3 – Estados Unidos

Mesmo com a alta do dólar, a terra do tio Sam ainda continua sendo um dos destinos preferidos dos brasileiros. O país exerce influência avassaladora na cultura com filmes, séries, programas de TV e todo o modo de vida americano, replicado em vários níveis por diversos países, incluindo o Brasil. Com muitas oportunidades de aprendizado e experimentação, os EUA se tornam um bom destino para fazer um intercâmbio.

4 – Reino Unido

Com uma tradição milenar, o Reino Unido é rodeado por monumentos e castelos que contam a história dos países que o compõem. O tom vibrante e cosmopolita entretém diversos públicos de diferentes tribos. Há atrações para todos os gostos, de parques e teatros a pubs e baladas. Se não bastasse, o Reino Unido também tem universidades de excelência reconhecidas em todo o mundo.

5 – Nova Zelândia

Assim como a Austrália, a Nova Zelândia tem a vantagem do estudante poder trabalhar enquanto estuda. O país é conhecido pela natureza que esbanja e pelos esportes radicais praticados, como surf e rafting.

Leave A Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.