CiênciaDestaques

Cientistas criam biorrobôs que são capazes de se reproduzirem

Os pesquisadores comentaram que a replicação controlada nunca havia sido observada em células ou organismos inteiros

Um grupo de cientistas americanos que criou os primeiros robôs vivos, ou xenobôs, a partir de células vivas de embriões de rã, descobriu recentemente que eles são capazes de se auto reproduzir.

Pesquisadores das universidades de Vermont, Tufts e do Instituto Wyss para Engenharia de Inspiração Biológica da Universidade de Harvard garantiram que se trata de uma forma completamente nova de reprodução biológica diferente de qualquer outra que a ciência tenha evidências em organismos animais ou vegetais. “As pessoas pensam há algum tempo que descobrimos todas as maneiras pelas quais a vida pode se reproduzir ou se replicar. Mas isso é algo que nunca foi observado antes” , disse o biólogo Douglas Blackiston.

Em nota divulgada nesta segunda-feira (29), os especialistas revelaram que os biorrobôs conseguem encontrar células individuais, juntá-las na ‘boca’ e depois de alguns dias, obtêm novos xenobôs idênticos a eles, que uma vez liberados, também repetem o processo. “Com o design certo, eles se replicarão espontaneamente”, disse o cientista Joshua Bongard.

De acordo com Sam Kriegman, principal autor do novo estudo, inicialmente foram criados os xenobôs pais na forma de Pac-Man, que por sua vez “geraram filhos, que geraram netos, que criaram bisnetos, que geraram tataranetos”. “Temos o genoma completo e inalterado do sapo”, acrescentou o biólogo Michael Levin, “mas ele não deu nenhuma indicação de que essas células podem trabalhar juntas nesta nova tarefa” de reunir células separadas e transformá-las em autocópias funcionais.

Os pesquisadores comentaram que a replicação controlada, apesar de ser bem conhecida no nível das moléculas, nunca havia sido observada em células ou organismos inteiros. No entanto, garantiram que embora a descoberta possa gerar preocupação, ou mesmo terror em algumas pessoas, na realidade não deve ser vista como uma ameaça.

“O que representa um risco é a próxima pandemia; acelerar os danos ao ecossistema causados ​​pela poluição; intensificar as ameaças da mudança climática”, disse Bongard. “Este é um sistema ideal para estudar sistemas autorreplicantes. Temos um imperativo moral para entender as condições sob as quais podemos controlá-lo, direcioná-lo, desligá-lo, exagerá-lo”, disse ele.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial. Para receber no Telegram, clique aqui

Siga o Portal N10 no Google News para acompanhar nossas notícias. Clique na imagem abaixo!

Romário Nicácio

Administrador de Redes. Co-fundador do Portal N10 e do N10 Entretenimento. Redator de sites desde 2009, passando pelo Notícias da TV Brasileira (NTB), Blog Psafe e vários outros de temas variados. E-mail: romario@oportaln10.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Olá pessoal! O acesso ao nosso site é gratuito, porém precisamos da publicidade aqui presente para mantermos o projeto online. Por gentileza, considere desativar o adblock ou adicionar nosso site em sua white-list e recarregue a página.