Mundo

Catalunha promete declarar independência nos próximos dias

independência catalunha
Foto: Matthias Hangst/Getty Images

(ANSA) – A Candidatura d’Unitat Popular (CUP), o partido esquerdista que defende a independência da Catalunha, anunciou que o Parlamento de Barcelona oficializará a separação da região da Espanha na próxima segunda-feira (9). “Será proclamada a independência e a República da Catalunha”, disse a deputada Mireia Boya.

No entanto, a parlamentar admitiu que não há um acordo nem consenso entre os partidos separatistas sobre como o Parlamento agirá na declaração da independência.

Além da CUP, o partido Junts pel Sì solicitou a presença do presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, na sessão plenária de segunda-feira do Parlamento. Em entrevista à rede BBC, Puigdemont garantiu que a declaração de independência da Catalunha será “questão de dias”. “Agiremos no fim de semana ou no início da próxima”, anunciou. A tensão política na Espanha está alta devido ao plebiscito realizado no último domingo e pelo qual a Catalunha afirma ter conquistado sua independência.

Ontem, o rei da Espanha, Felipe VI, fez um pronunciamento público para acusar a Catalunha de “descumprir” a Constituição e promover uma “fratura” na sociedade espanhola. Nesta manhã, o presidente do Parlamento Europeu, Antonio Tajani, fez um apelo para que o governo de Madri e o da Catalunha “usem o diálogo” para resolver a crise e evitar novos casos de repressão policial, como ocorrera durante a votação de domingo. “Ninguém gostou dos eventos de domingo. Mas as decisões unilaterais, incluindo a declaração de independência de um país da UE, estão em conflito com a ordem jurídica europeia e estão destinadas a provocar divisões perigosas”, comentou.

+ Como seria o futebol da Catalunha em caso de independência?

O governo espanhol sempre se opôs à independência da Catalunha e prometera fazer todo o possível para evitar a convocação da consulta popular. Madri acusa a votação de ser ilegítima, já que menos da metade da população compareceu às urnas.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.