Brasil perde para França na prorrogação e dá adeus à Copa do Mundo
Reuters/Lucy Nicholson/Direitos Reservados

Brasil perde para França na prorrogação e dá adeus à Copa do Mundo

junho 23, 2019 0 Por Rafael Nicácio

(ANSA) – Em um jogo dramático na cidade de Le Havre, a anfitriã França venceu o Brasil na prorrogação neste domingo (23), por 2 a 1, e avançou de fase na Copa do Mundo feminina.

Brasil e França realizaram um primeiro tempo equilibrado em Le Havre. Aos oito minutos, Marta até tentou com um chute de fora da área, mas a bola passou perto do gol defendido pela goleira Sarah Bouhaddi.

As donas casa chegaram perto da meta brasileira também com um arremate de longe, mas o chute de Amandine Henry saiu por cima do gol.

O grande momento da etapa inicial aconteceu aos 22 minutos. Kadidiatou Diani cruzou dentro da área, Valerie Gauvin dividiu com a goleiro Barbara e a bola entrou na meta do Brasil. No entanto, o tento foi anulado pelo árbitro assistente de vídeo (VAR), já que a francesa usou o braço para marcar o gol.

Já no finalzinho do primeiro tempo, Cristiane teve uma chance clara de gol para o Brasil, mas o chute foi defendido com o pé por Bouhaddi.

Na etapa final, a França conseguiu marcar o primeiro aos seis minutos. Em uma bobeada da defesa brasileira, Diani passou de Tamires e cruzou rasteiro, Barbara não conseguiu segurar e Gauvin tocou para o fundo da rede.

O Brasil não se abateu e logo na sequência, a atacante Cristiane acertou o travessão em um arremate de cabeça. Já aos 18 minutos, após um cruzamento dentro da área, Thaísa aproveitou a sobra de bola e chutou firme no cantinho da goleira francesa.

As duas seleções criaram algumas oportunidades, mas ninguém conseguiu aproveitar para tirar a igualdade do placar e evitar que o jogo fosse para prorrogação.

O clima tenso em Le Havre continuou e a França pressionou o Brasil. No entanto, a melhor chance da primeira etapa da prorrogação foi das visitantes. Debinha recebeu um lançamento e saiu na frente do gol, mas o gol da brasileira foi evitado em cima da linha pela defensora francesa.

O gol perdido pelo Brasil fez falta na segunda etapa da prorrogação. Logo no início, Majri cobrou uma falta dentro da área brasileira e encontrou Henry livre para recolocar a França na frente do placar.

A seleção brasileira lutou até o final, mas não conseguiu evitar a classificação da França para as quartas de final da competição.

Na próxima fase, as anfitriãs pegarão a vencedora da partida entre Estados Unidos e Espanha.