Destaques, Dicas

Boletos vencidos podem ser pagos em qualquer banco

boleto bancário
Divulgação/Fotos Públicas

A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (Proteste) alerta que, a partir desse mês de agosto, os boletos bancários, até mesmo os vencidos, antes somente aceitos no banco indicado, passarão a ser aceitos em qualquer instituição financeira (física ou on-line e caixas eletrônicos) e casas lotéricas.

Uma plataforma desenvolvida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) possibilitará o pagamento de boletos bancárias, mesmo os vencidos, já com a inclusão de multa e encargos.

Ela também permitirá maior transparência em todo o processo, pois o comprovante de pagamento será mais completo e apresentará as seguintes informações: juros, multa, desconto, CPF ou CNPJ do emissor e do pagador, data de vencimento, valor e autorização do cliente para que a cobrança seja enviada à residência.

No entanto, essas alterações tem um cronograma para ir acontecendo e variam de acordo com o valor do boleto: a partir de 25 de agosto serão aceitos títulos de R$ 400 ou mais; a partir de 13 de outubro, R$ 100 ou mais; a partir de 27 de outubro, R$ 0,01 ou mais; a partir de 10 de novembro, boletos de cartões de crédito, doações, entre outros.

MUDANÇAS NO PAGAMENTO

A modernização iniciou em 2017 para boletos com valores iguais ou superiores a R$ 50 mil reais. No decorrer do tempo, o valor máximo foi baixando para que a quantidade de pessoas beneficiadas fosse ainda maior.

De acordo com o portal da Febraban, a mudança do sistema de cobranças traz vantagens como a eliminação do risco de pagamento em duplicidade, já que o registro permite o compartilhamento de informações sobre emissores e pagadores pelas instituições financeiras.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.