BioNTech diz que pode ter vacina contra mutações do coronavírus pronta em 6 semanas

BioNTech diz que pode ter vacina contra mutações do coronavírus pronta em 6 semanas

BioNTech diz que pode ter vacina contra mutações do coronavírus pronta em 6 semanas

Rafael Nicácio dezembro 22, 2020 Coronavírus

O diretor executivo da farmacêutica alemã BioNTech, Ugur Sahin, disse nesta terça-feira (22) que está confiante de que a vacina contra o coronavírus desenvolvida por sua empresa em conjunto com a americana Pfizer é eficaz contra a nova cepa descoberta no Reino Unido, embora ele tenha notado que estudos adicionais são necessários para ter certeza absoluta.

“Não sabemos no momento se nossa vacina também é capaz de fornecer proteção contra essa nova variante”, admitiu Sahin, citado pela AP.

No entanto, ele garantiu que a empresa tem “confiança científica” no medicamento, já que as proteínas da nova mutação coincidem 99% com as das cepas predominantes.

A BionNTech já está realizando os testes correspondentes, disse Sahin, estimando que os resultados estarão prontos nas próximas duas semanas.

E especificou que, se necessário, a vacina poderá receber as modificações cabíveis em cerca de seis semanas, embora posteriormente possa requerer nova aprovação das autoridades sanitárias.

Quer receber as principais notícias do Portal N10 no seu WhatsApp? Clique aqui e entre no nosso grupo oficial.

Outros artigos