Após recorde de mortes por Covid-19, Bolsonaro ironiza: ‘Quem é de direita toma cloroquina, quem é esquerda, tubaína’
Foto: REUTERS / Ueslei Marcelino

Após recorde de mortes por Covid-19, Bolsonaro ironiza: ‘Quem é de direita toma cloroquina, quem é esquerda, tubaína’

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, em live na noite desta terça-feira, 19, que o ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, vai assinar um novo protocolo para permitir o uso da cloroquina em pacientes em estágio inicial de contágio do coronavírus.

Bolsonaro disse que o documento não obriga ninguém a ser medicado com a substância, mas dará a liberdade para que ele faça uso do remédio caso julgue necessário. Atualmente, o protocolo adotado pela pasta prevê o uso da droga somente por pacientes graves e críticos.

Ao falar sobre o assunto, o presidente fez piada: “O que é a democracia? Você não quer? Você não faz. Você não é obrigado a tomar cloroquina. Quem é de direita toma cloroquina. Quem é de esquerda toma Tubaína”, em referência a uma marca de refrigerante.

O presidente aproveitou a ocasião para ironizar o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, que foi diagnosticado com a Covid-19. O político do PSB tem criticado a postura de Bolsonaro diante da crise sanitária. “Eu acho que quem falou que era veneno, não pode tomar. O governador pode tomar a cloroquina. Pode ser que não precise. Mas, no seu lugar, eu tomaria”, disse.

Bolsonaro admitiu que, no futuro, pode ser medicamento seja reconhecido como apenas uma espécie de placebo no combate à doença. Ele acrescentou, porém, que a comunidade médica também pode chegar à descoberta de que a substância foi útil para curar infectados pelo coronavírus. Ainda não há evidências científicas da eficácia da cloroquina para combater a Covid-19.

A divergência em torno do uso da cloroquina é apontada como o principal motivo da saída do oncologista Nelson Teich do comando da Saúde, na semana passada.

Esta notícia foi interessante para você? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: