América-RN bate xará pernambucano e avança no Campeonato Brasileiro

junho 23, 2019 0 Por Rafael Nicácio
América-RN bate xará pernambucano e avança no Campeonato Brasileiro

A Arena das Dunas foi palco de mais um triunfo do América-RN. Com gols de Richard (contra) e Adriano Pardal, o time rubro venceu o América-PE por 2 a 0 e garantiu classificação à terceira fase do Campeonato Brasileiro. O placar, no agregado, ficou em 2 a 1 já que no primeiro confronto, os pernambucanos haviam vencido por 1 a 0.

O adversário do time rubro nas oitavas de final do Brasileirão será a Jacuipense-BA, com o primeiro jogo sendo disputado no próximo final de semana, em Natal.

Primeiro tempo

O América-RN teve o início que queria: marcou um gol no primeiro minuto e, dessa forma, tiraria a vantagem do rival no primeiro jogo. Mas o árbitro anulou o lance alegando saída de bola de Roger Gaúcho. Com a necessidade da vitória, a tônica do jogo seguiu a mesma: o time de Natal apertava e o de Recife se defendia. Foi assim durante todo o primeiro tempo. Adriano Pardal perdeu, aos 8, uma grande chance de cabeça e Jean Patric colocou uma bola na trave, além de exigir uma grande defesa de Renan. No entanto, o que mais chamou a atenção foi que o América-RN, que precisava do resultado, se afobou durante a primeira etapa e teve muita pressa. Assim, passou a cruzar desesperadamente dentro da área e teve facilmente as bolas cortadas – forma bem diferente de jogo que apresentou durante a primeira fase.

Segundo tempo

A conversa no vestiário funcionou e o América-RN voltou jogando com a bola no pé. E essa paciência deu resultado logo cedo. Aos 5 min, Roger Gaúcho cruzou forte para o meio da área, o goleiro Renan rebateu para o centro e o zagueiro Richard jogou contra o próprio gol. O resultado colocava o jogo nos pênaltis, mas o América-RN seguiu pressionando. Pardal perdeu um lance na cara do goleiro Renan. Na segunda chance, ele não desperdiçou. Jean Patric cruzou e Pardal acertou cabeçada forte para fazer o segundo, que representava o gol da classificação. O América-PE, que se segurava e fazia grande cera, precisou sair e deu espaços para alguns contra-ataques do time da casa, que não conseguia aproveitar. Paulo Renê teve uma chance incrível no fim do jogo, tentou driblar o goleiro Renan, que fez a defesa. Paulo Renê ainda marcou de cabeça, mas o árbitro marcou falta nele antes da bola entrar.

Público e renda

Público total: 9.618 torcedores (pagantes: 9.517 / não pagantes: 101)

Renda: R$ 154.856