Curiosidades

Água como combustível? Sim, este é o trem do futuro

A preocupação global sobre o meio ambiente fez com que os cientistas trabalhassem cada vez mais para desenvolver projetos sustentáveis, especialmente aqueles relacionados à energia limpa, ou seja, que não gera emissões de carbono, já que eles atacam a camada de ozônio e pioram a situação do aquecimento global.

Na Alemanha, um trem ecológico emitirá vapor de água

Um dos desenvolvimentos mais recentes é o trem do futuro criado pela empresa de engenharia Alstom, que funcionará com hidrogênio misturado com oxigênio. Espera-se que a ferrovia comece a operar a partir de 2021 na Alemanha.

De acordo com a empresa, serão construídos 14 trens livres de carbono denominados Coradia iLint, que podem viajar 1000 km com um tanque de hidrogênio completo. Este gás, misturado com oxigênio da atmosfera, dá origem à energia necessária e permite alcançar uma velocidade máxima de 140 km/h.

Os veículos apenas emitem vapores de água durante a operação, o que os torna uma alternativa ecológica ao diesel, pois não há emissões nocivas para o meio ambiente.

De acordo com Bernd Eulitz, membro do Conselho Executivo da empresa alemã Linde AG“o uso de hidrogênio para veículos ferroviários é um marco na aplicação de células de combustível para o transporte livre de emissões. Pela primeira vez, o acoplamento deste setor à infra-estrutura de hidrogênio será realizado dentro de um escopo significativo e de maneira economicamente viável. Este desenvolvimento impulsionará o estabelecimento de uma sociedade do hidrogênio e criará novas soluções para o armazenamento e o transporte de energia. Estamos orgulhosos de fazer parte deste projeto de inovação”.

Fonte: Alstom

You Might Also Like

One comment

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.