Home Notícias Tecnologia ‘Videochamada’: novo golpe do WhatsApp já atingiu mais de 200 mil pessoas

‘Videochamada’: novo golpe do WhatsApp já atingiu mais de 200 mil pessoas

Publicidade

‘Videochamada’: novo golpe do WhatsApp já atingiu mais de 200 mil pessoas
Reprodução
0
Publicidade

Febre no Brasil, o WhatsApp tem sido cada vez mais alvo de hackers que tentam iludir os usuários com promessas de falsas atualizações e serviços. No mais recente golpe, o usuário é envolvido pela possibilidade de ativar a função de videochamada, em qualquer smartphone, para utilizar com grupos de até cinco pessoas simultaneamente.

No entanto, especialistas da PSafe observaram que, apenas nos últimos sete dias, mais de 200 mil pessoas já foram impactadas pelo golpe, somente no Brasil. O falso serviço se espalha pelo Facebook e grupos de WhatsApp e, ao tentar ativar o serviço de videochamada, o usuário é direcionado para o cadastramento do celular em um serviço de SMS pago, que também aproveita o gancho de “turbine seu WhatsApp”, para distrair o usuário.

Para evitar este tipo de transtorno, especialistas da PSafe dá duas importantes dicas:

Baixe somente aplicativos certificados e cuidado com atualizações externas

O usuário deve procurar sempre baixar apps e atualizações de lojas oficiais, como a Google Play. E, ainda assim, deve conferir se o app é verdadeiro (até mesmo a Google Play pode conter alguns apps fakes). É importante ler a descrição com atenção, checar os comentários, desconfiar de aplicativos que prometem itens extras em jogos, etc.

Tenha um antivírus certificado instalado no seu smartphone

Nem mesmo todas as precauções existentes podem ser suficientes para proteger o aparelho de ataques cibernéticos. Como Marco DeMello, CEO da PSafe, ressalta, “um cérebro biológico não é capaz de se defender de ataques de um cérebro eletrônico”. É por esse motivo que um aplicativo com funções de antivírus torna-se fundamental nessa luta.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!