Trump imita jornalista deficiente em comício nos EUA

(ANSA) – O magnata e pré-candidato republicano à Presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, ridicularizou um jornalista deficiente físico durante um comício em Myrtle Beach, na Carolina do Sul.

O bilionário imitou de forma grotesca e ofensiva Serge Kovaleski, um famoso jornalista do “New York Times” que tem os braços atrofiados e uma limitação dos movimentos na parte superior do seu corpo. A imitação do político foi uma resposta a um comentário do repórter sobre um artigo escrito por ele mesmo poucos dias após os ataques às Torres Gêmeas e ao Pentágono, em 11 de setembro de 2001.

Na matéria, Kovaleski afirma que “um número de pessoas supostamente” comemorou em Nova Jersey a queda dos dois edifícios e que algumas delas eram muçulmanas. No entanto, em um discurso de campanha, Trump afirmou que “centenas de milhares” de muçulmanos teriam festejado o atentado terrorista em Nova York. E para justificar sua afirmação, usou o artigo de Kovaleski.

Em seu comício na Carolina do Sul, o magnata leu o trabalho do jornalista e citando-o como um “repórter bom”, mas mexendo seus braços ostensivamente e falando debochadamente com uma voz estranha.

Amigos e familiares de Kovaleski, além de várias publicações, incluindo o “New York Times”, expressaram seu repúdio ao comportamento de Trump.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!