Home Notícias Educação Terceiro simulado da Hora do Enem já está disponível

Terceiro simulado da Hora do Enem já está disponível

Publicidade

Terceiro simulado da Hora do Enem já está disponível
Divulgação
0
Publicidade

Estudantes de todo o País podem testar, a partir deste sábado (3), seus conhecimentos para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), fazendo o terceiro simulado no portal Hora do Enem. O teste é gratuito, tem 80 questões e segue a mesma metodologia de elaboração do Enem. A prova pode ser feita até as 20h do dia 11 de setembro.

Para acessar a página por computador, telefone ou tablet, é preciso fazer um cadastro no site geekiegames e acessar o teste na aba de simulados. A partir do momento em que o aluno acessar a prova, terá quatro horas para resolver as questões. Mais de 1 milhão de pessoas acessaram as duas primeiras edições do teste em todos os estados do Brasil.

Nesta terceira etapa, 75% das questões aplicadas serão inéditas. Os estudantes que fizerem o simulado pelo aplicativo Android terão acesso a um ranking, onde poderão comparar sua nota com a de outras pessoas que disputam uma vaga no mesmo curso universitário. Os candidatos podem ainda verificar se seu desempenho é compatível com a nota de corte do curso e da instituição em que desejam estudar.

Última chance

A quarta e última edição do simulado em 2016 terá início em 8 de outubro. A prova do Enem será nos dias 5 e 6 de novembro.

A nota do Enem é usada na seleção para vagas em instituições públicas, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), bolsas na educação superior privada por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni) e vagas gratuitas nos cursos técnicos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec).

O resultado do exame também é requisito para receber o benefício do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), e para maiores de 18 anos, o Enem pode ser usado como certificação do ensino médio.

Publicidade

Rafael Nicácio Editor e repórter do Portal N10. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do RN) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN).
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!