Sonda Juno chega a Júpiter após quase cinco anos de viagem

Após quase cinco anos de viagem, a sonda Juno, da agência espacial norte-americana (NASA), chega ao planeta Júpiter nesta segunda-feira (4). A sonda é movida a energia solar.

Segundo a Nasa, Juno deve desacelerar para uma velocidade de 542 metros por segundo no intuito de ser capturada pela órbita do planeta. Uma vez na órbita de Júpiter, a sonda dará 37 voltas ao redor do planeta num período estimado em 20 meses, percorrendo cerca de 5 mil quilômetros.

[xtopic title=”Veja também:” layout=”1″ alignment=”left” count=”3″ condition=”latest” order=”DESC” tags=”” featured=”0″ ids=”48964″ cats=””]

“Esta é a primeira vez que uma sonda irá orbitar os pólos de Júpiter, proporcionando novas respostas para os mistérios em curso cerca de núcleo, a composição do planeta e campos magnéticos”, informou a agência.

O principal objetivo da Juno é melhorar nossa compreensão da formação e evolução de Júpiter. A sonda vai investigar as origens do planeta, estrutura interior, atmosfera profunda e magnetosfera. O estudo vai ajudar a compreender a história do nosso próprio sistema solar e proporcionar nova visão sobre como sistemas planetários se formam e se desenvolvem em nossa galáxia e além.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!