Reajuste no preço do botijão de cozinha amplia vantagens do gás canalizado

O Gás Natural Canalizado está ainda mais atrativo após o anúncio do reajuste de 15% no preço do gás liquefeito de petróleo (GLP), vendido em botijões de 13 quilos. Combustível limpo, prático e mais seguro do que o gás de botijão, o gás natural canalizado para o segmento residencial é uma aposta da Companhia Potiguar de Gás que comemora o crescimento de 58,04% no volume para unidades residenciais no primeiro semestre de 2015, em relação ao mesmo período do ano passado. Atualmente já são 14.237 residências interligadas e 103 pontos de entrega nos municípios de Natal, Mossoró, Parnamirim e São Gonçalo do Amarante. A Potigás distribui 1.944 m³/dia para o segmento residencial.

Em 2014, o fornecimento residencial representava 0,42% das vendas. No acumulado de janeiro a julho, a participação subiu para 0,66% do montante de 295.719 m³/dia, distribuídos pela Potigás aos segmentos industrial, automotivo, comercial e residencial. O mais novo cliente residencial da Potigás é o condomínio Bosque das Mangueiras, localizado no bairro de Lagoa Nova, em Natal. O fornecimento de gás começou no dia 19 de agosto, atendendo 80 unidades residenciais com 720 m³/mês. “Temos grande capacidade de crescimento na disponibilização de gás canalizado para condomínios e, desta forma, vamos aumentar a participação do segmento residencial nos negócios da companhia”, declarou o diretor técnico comercial, José Ricardo Bezerra.

A Potigás leva o Gás Natural Canalizado até os condomínios, de forma contínua, sem riscos de corte no abastecimento, com qualidade, economia, segurança e com respeito ao meio ambiente. Nas residências o combustível pode ser utilizado para o funcionamento de fornos, fogões, geladeiras a gás, churrasqueiras, aquecimento da água e climatização. O comércio e setor de serviços também podem se beneficiar das vantagens do gás natural em fornos, fogões, fritadeiras, climatização e geração de energia.

A partir da solicitação dos condomínios, uma equipe da Potigás faz o estudo de viabilidade técnica e econômica para efetivar a assinatura do contrato com a Companhia. “Essa rede pode ser ampliada mediante a solicitação e os estudos de viabilidade. Nosso objetivo é oferecer a qualidade, segurança, praticidade e o excelente custo benefício do gás natural canalizado a um maior número de consumidores residenciais”, disse o diretor presidente da Potigás, Carlos Alberto Santos.

A Potigás atende os municípios de Natal, Mossoró, São Gonçalo do Amarante e Parnamirim no segmento residencial nos seguintes bairros:

Natal: Areia Preta, Alagamar, Alecrim, Baldo, Bairro Vermelho, Bom Pastor, Candelária, Capim Macio, Cidade da Esperança, Cidade Satélite (Pitimbu), Dix-Sept Rosado, Felipe Camarão, Lagoa Nova, Lagoa Seca, Morro Branco, Nova Descoberta, Neópolis, Petrópolis, Ponta Negra, Potengi, Ribeira, Rota do Sol, Santa Catarina, San Vale, Tirol e Via Costeira.

Parnamirim: Emaús e Nova Parnamirim

Mossoró: Abolição, Nova Betânia e Santo Antônio.

São Gonçalo do Amarante: Jardins

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!