Porto de Natal vai ganhar um ‘Dique Flutuante’ orçado em 18 milhões

O secretário estadual de Agricultura, Pecuária e Pesca, Guilherme Saldanha, e o subsecretário de Pesca e Aquicultura, Alberto Cortez, receberam a visita de representantes da empresa gaúcha Turc, que planeja construir um dique flutuante no Porto de Natal. Orçado em R$ 18 milhões, o equipamento servirá para realizar manutenção em embarcações pesqueiras e poderá movimentar até R$ 3 milhões por ano na economia potiguar.

Os representantes pediram empenho do secretário em agilizar junto aos órgãos responsáveis o processo de liberação de licenças para o início da construção do dique. “Atenderemos ao pedido da empresa e nosso objetivo é que o equipamento esteja pronto para funcionar em outubro”, destacou Saldanha. A estrutura vai ocupar uma área de três mil metros quadrados e, durante sua construção, irá gerar 500 empregos diretos.

O dique flutuante estará localizado na margem esquerda do Rio Potengi, próximo à rampa das antigas balsas, e terá capacidade de atender até 25 embarcações por ano. O custo médio de uma docagem é de R$ 500 mil. A expectativa da empresa é gerar em torno de 250 empregos diretos em toda a cadeia produtiva da pesca. Atualmente as embarcações que passam por Natal e os 120 barcos atuneiros potiguares precisam ir até Aracaju ou Belém para fazer manutenção da frota.

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!