Home Notícias Brasil MG Pearl Jam doa cachê de show para vítimas do desastre em Mariana e pede punição dos culpados

Pearl Jam doa cachê de show para vítimas do desastre em Mariana e pede punição dos culpados

Publicidade

Pearl Jam doa cachê de show para vítimas do desastre em Mariana e pede punição dos culpados
0
Publicidade

Em um show histórico da banda Pearl Jam na noite da última sexta-feira (20), em Belo Horizonte, o vocalista Eddie Vedder surpreendeu o público de mais de 40 mil no Estádio Mineirão ao falar sobre a tragédia ocorrida no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, na região central do Estado, que foi devastado pela lama de uma barragem da mineradora Samarco, rompida no último dia 5 de novembro. O artista afirmou que espera que os responsáveis sejam “duramente punidos e cada vez mais punidos”.

Em um discurso em português, o vocalista parou o show para expressar sua indignação contra empresas que exploram o meio ambiente. “Acidentes tiram vidas e destroem rios. E ainda assim eles conseguiram lucrar. Esperamos que eles sejam punidos, duramente punidos e cada vez mais punidos. Para que nunca esqueçam o triste desastre causado por eles”, disse Vedder, sendo ovacionado pelo público.

Após o discurso, Eddie Vedder disse, no palco, que o cachê da banda será doado às vítimas de Mariana. A banda também disse que tem planos de criar um fundo de assistência aos atingidos pelo desastre.

Com 25 anos de estrada e considerado um dos maiores nomes do rock mundial tocou pela primeira vez em Belo Horizonte nesta sexta-feira. Ícone do grunge, nem mesmo a chuva desanimou os fãs do Pearl Jam, que lotaram o Mineirão. Durante a apresentação, a banda ainda tocou a música Imagine, eternizada por John Lennon.

Atentados em Paris

O show ainda falou sobre os atentados em Paris, no dia 13 de novembro. Pearl Jam tocou “I want you so hard”, da banda Eagles of Death Metal, que se apresentava na casa de shows Bataclan, um dos alvos dos terroristas na capital francesa. Mais de 80 pessoas foram mortas por atiradores neste local. O show foi interrompido e a banda decidiu cancelar sua turnê europeia, segundo informou a organizadora de seus shows na Alemanha. Ao todo, 130 pessoas morreram nos atentados de Paris.

Com informações do G1

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!