Home Notícias Mundo Papa pede que bispos abram mão de bens e propriedades

Papa pede que bispos abram mão de bens e propriedades

Publicidade

Papa pede que bispos abram mão de bens e propriedades
Foto: The Official Government News Portal Of Sri Lanka
0
Publicidade

(ANSA) – O papa Francisco reforçou seu apelo nesta segunda-feira (16) para que os padres e bispos abram mão de luxos e bens desnecessários, criando uma Igreja “pobre para os pobres”.

Retomando o pedido feito três dias depois de sua eleição a Pontífice, em março de 2013, Francisco abriu a 69ª Assembleia Geral da Conferência Episcopal Italiana (CEI), no Vaticano, que irá discutir a renovação do clero. “Mantenham apenas o que pode servir para a experiência de fé e caridade do povo de Deus”, disse o Papa.

De acordo com Francisco, os bispos devem refletir sobre a “renovação do clero”, mas focando em quem “vive com um estilo de vida simples e essencial, sempre disponível”, que “caminha com o coração e no passo dos pobres”. “Como um padre que seja homem de paz e reconciliação, sinal e instrumento de ternura de Deus. Atento a difundir o bem com a mesma paixão com a qual outras pessoas perseguem seus interesses”, ressaltou.

O líder católico também chamou a atenção para o fato de que os costumes e hábitos mudaram com o passar do tempo. “O contexto cultural atual é muito diferente daquele no qual os padres viveram em seus anos iniciais de ministério”, disse. “Até na Itália, tantas tradições, hábitos e visões de vida foram afetados por uma profunda mudança de época. Nós, que nos costumamos a criticar os dias de hoje com tom amargo e acusatório, devemos admitir também a dureza dos nossos tempos: tantas pessoas que encontramos que estão em apuros por falta de referência”, comentou. A declaração do Papa vem em um momento em que a CEI passa por reformas de transparência e gerenciamento fiscal. Esta também foi a terceira vez que Francisco abriu a assembleia da CEI.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!