Museu de Cultura Popular sediará lançamento de documentários sobre poetas populares

Na próxima quinta-feira (20), o Coletivo Caminhos Comunicação & Cultura apresenta ao público potiguar a série de documentários Cordelíricas Nordestinas, composta por 14 episódios de curta duração, com três minutos cada. O projeto será lançado no Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão, no bairro da Ribeira, às 15h30, com a exibição de alguns episódios e um bate-papo com a equipe de produção. O projeto foi viabilizado pela Prefeitura do Natal, por meio do edital Literatura de Cordel 2014, que estimula a produção de projetos que contribuam para a área.

A série Cordelíricas Nordestinas tem como objetivo principal contribuir com a valorização da Literatura de Cordel do Nordeste brasileiro, com a exibição do perfil e a poesia de poetas populares que se destacam no segmento da poesia popular.

Em cada episódio será revelado o perfil de cordelistas e poetas nordestinos em formato e linguagem adequados à veiculação na Televisão aberta e fechada e na internet, privilegiando a obra e um pouco da história de cada um dos participantes da série. Todos os episódios serão disponibilizados na internet, pelo canal TV Caminhos no Youtube, e posteriormente também serão veiculados na televisão.

O primeiro episódio apresenta a série e nos episódios seguintes o público vai conferir a história e os versos de 13 poetas populares, com destaque para os poetas reconhecidos no cenário da poesia popular do Rio Grande do Norte. Entre os potiguares estão Antônio Francisco, o repentista José Ribamar e o cordelista Luís Campos, de Mossoró, Crispiniano Neto, Xexéu, José Acaci e o poeta Lacerda, que mora em Campo Grande-RN.

Também fazem parte da série os pernambucanos José Edinaldo dos Santos, mais conhecido como o Ceguinho Aboiador e Abaeté, que atualmente coordena a Casa do Cordel, em Natal. Os paraibanos Bráulio Tavares e Rosa Régis, e representando o gênero da cantoria de viola, a dupla Mocinha de Passira e Minervina.

A série Cordelíricas Nordestinas é um dos diversos projetos desenvolvidos pelo Coletivo Caminhos Comunicação & Cultura, que neste ano de 2015 completa 10 anos de atuação, contribuição e fomento para o segmento do audiovisual com ênfase na cultura popular do Estado do Rio Grande do Norte. A série inaugura os eventos de comemoração e posteriormente será divulgada a programação de eventos para marcar a data.

O projeto foi iniciado em 2012, com a produção de um documentário que reuniu de forma lírica as diversas formas de expressão da Literatura de Cordel.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!