Home Notícias Política Marina Silva anuncia apoio a Aécio Neves no segundo turno

Marina Silva anuncia apoio a Aécio Neves no segundo turno

Publicidade

Marina Silva anuncia apoio a Aécio Neves no segundo turno
Foto: Divulgação
0
Publicidade

Quatro dias após a Executiva Nacional do PSB definir seu apoio ao candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, no segundo turno, agora foi a vez da ex-candidata Marina Silva lançar seu apoio ao tucano. As informações são da revista Veja.

No PSB, sem consenso, os integrantes da Executiva fizeram uma votação: 21 integrantes decidiram caminhar ao lado de Aécio Neves, enquanto seis votaram pela liberação do partido – entre eles o presidente da legenda, Roberto Amaral, historicamente alinhado ao ex-presidente Lula. Apenas o senador João Capiberibe, pai do candidato ao governo do Amapá, Camilo Capiberibe, defendeu o apoio à petista Dilma Rousseff.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Foram um semana de negociações entre o PSDB e Marina Silva. O apoio de Marina a Aécio foi anunciado neste domingo (12). A decisão foi divulgada, em São Paulo, um dia depois de o presidenciável do PSDB assumir, por meio de uma carta aberta, uma série de compromissos para a área social, entre os quais parte das condições impostas pela ex-senadora para apoiá-lo na reta final da corrida pelo Palácio do Planalto.

“Tendo em vista os compromissos assumidos por Aécio Neves, declaro meu voto e o meu apoio a sua candidatura. Votarei em Aécio e o apoiarei. Votando nesses compromissos, dando um crédito de confiança à sinceridade de propósitos do candidato e de seu partido e, principalmente, entregando à sociedade brasileira a tarefa de exigir que sejam cumpridos”, disse Marina, ao final de um pronunciamento, ao lado de seu candidato a vice na eleição presidencial, deputado Beto Albuquerque (PSB-RS). “Não estou com isso fazendo nenhum acordo ou aliança para governar. O que me move é a minha consciência, e assumo a responsabilidade pelas minhas escolhas”, completou Marina.

Dentre as promessas feitas pelo tucano no sábado (10), dante das condições impostas pela ex-senadora, está, caso Aécio seja eleito, a adoção de uma política ambiental sustentável, a priorização do ensino integral no país e a criação de um fundo para tentar solucionar os conflitos entre índios e produtores rurais, além do compromisso de que irá trabalhar para que o Congresso Nacional aprove o fim da reeleição para cargos executivos.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!