Home Notícias Política Manifestações contra o governo viram piada nas redes sociais

Manifestações contra o governo viram piada nas redes sociais

Manifestações contra o governo viram piada nas redes sociais
Foto: Reprodução / Twitter
0

As manifestações que acontecem neste domingo (16) contra o governo viraram piada nas redes sociais e estão sendo chamadas de “CarnaCoxinha”. O movimento acontece em 21 estados e no Distrito Federal.

No Twitter a hashtag #CarnaCoxinha figurou os assuntos mais falados do Brasil. “Podem pagar mico, podem fazer , podem xingar, chorar e espernear, mas a realidade é esta.”, comentou um internauta. Veja alguns tuítes:

Manifestação

Em Campina Grande (PB) a frase mais repetida pelos manifestantes é: “não existe golpe. Nosso movimento é constitucional”. Grupo está concentrado na Praça da Bandeira, no centro da cidade. Em Macapá (AP) a concentração começou por volta das 15h na praça da Bandeira e desde as 16h20 percorre de forma pacífica as principais ruas do Centro, com destino à praça do Coco. Segundo a PM, ato conta com 150 pessoas. Poucos manifestantes vestem as cores da bandeira do Brasil. Alguns levam faixas e cartazes.

Em São Paulo,  a organização do ato no Instituto Lula diz que cerca de 5 mil pessoas estiveram na manifestação. Já na Avenida Paulista, região central de São Paulo, a Secretaria de Segurança Pública ainda não informou a estimativa de quantas pessoas participam do ato. Por volta das 15h35, os manifestantes ocupavam 10 quarteirões da avenida, que tinha nove carros de som.

Manifestação em Natal / RN (Foto: Reprodução / Twitter)
Manifestação em Natal / RN (Foto: Reprodução / Twitter)

Em Campo Grande, o ato contra governo federal é realizado na praça do Rádio Clube. A previsão da organização é que o protesto se concentre na praça, sem passeata pelas ruas. Segundo a Polícia Militar, cerca de 1,5 mil estão no local. A concentração começou por volta das 13h (de MS). No local, foram colocadas jaulas com bonecos da presidente Dilma Roussef e do ex-presidente Lula.

No Rio Grande do Norte às 16h15, manifestantes iniciaram uma caminhada por ruas das Zonas Leste e Sul de Natal em protesto contra a corrupção e pelo impeachment da presidente Dilma. Segundo os organizadores do ato, 10 mil pessoas participam da caminhada. De acordo com a PM, são 4 mil os presentes.

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!