Home Notícias Educação IBP Profissional do Futuro será realizado em Natal pela primeira vez

IBP Profissional do Futuro será realizado em Natal pela primeira vez

Publicidade

IBP Profissional do Futuro será realizado em Natal pela primeira vez
Foto: Petrobras
0
Publicidade

Mais de 500 estudantes de diversos estados do Nordeste brasileiro terão a oportunidade de discutir carreira e a indústria de óleo e gás durante a sessão do Programa Profissional do Futuro, que acontece no dia 12 de agosto, entre 14h30 às 16h, no Centro de Convenções de Natal, no Rio Grande do Norte.

O encontro será realizado dentro do II Conepetro – Congresso Nacional de Engenharia de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (www.conepetro.com.br), que vai de 10 a 12 de agosto, e que conta com o patrocínio do Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP).

Esta será a segunda sessão do Programa Profissional do Futuro – a primeira foi realizada no Rio de Janeiro – e terá a participação do gerente da refinaria Abreu e Lima da Petrobras em Recife, Daniel Canabrava, e da representante da área de Relações Institucionais do IBP, Nina Fernandez, que também fará palestra sobre a importância do networking na carreira profissional.

Realizado anualmente pelo IBP desde 2002, o Programa Profissional do Futuro chega a 2016 de cara nova: ele conta com palestras que promovem ainda mais integração entre executivos e estudantes e acontece dentro das universidades, ampliando a interação com o ambiente acadêmico.

Ao longo dos últimos 14 anos, o Programa já contribuiu para a formação de mais de 8 mil jovens brasileiros por meio de debates com profissionais da indústria de petróleo, gás, especialistas de recursos humanos e headhunters. Em 2015, o Programa reuniu mais de 600 jovens estudantes de 26 universidades brasileiras públicas e privadas de quatro estados brasileiros. Este ano, a expectativa é que esse público chegue a 1.300 jovens.

Publicidade

Rafael Nicácio Editor e repórter do Portal N10. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do RN) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN).
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!