Governo inaugura unidade do Café Cidadão na Zona Oeste de Natal

Localizada em Felipe Camarão, unidade servirá 300 cafés da manhã diários pelo custo de R$ 0,50 por pessoa

O bairro de Felipe Camarão, na Zona Oeste de Natal, foi escolhido para receber uma unidade do programa de segurança alimentar, Café Cidadão, que servirá 300 cafés da manhã balanceados, composto por frutas, pães, cuscuz, bolachas, café, leite e produtos da terra, diários de segunda a sexta-feira, das 6h às 8h, pelo custo de R$ 0,50 por pessoa.

“Nós escolhemos Felipe Camarão devido à sua concentração populacional. Hoje nós lançamos o Café Cidadão. Um programa que dá oportunidade para que o trabalhador saia para trabalhar com uma refeição nutritiva e de qualidade. Nós também estamos trabalhando para trazer o Restaurante Popular que deve ser inaugurado em outubro. Espero que vocês gostem desse equipamento e usufruam dele”, discursou Julianne Faria, secretária da Secretaria do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas-RN).

A diarista Joana Baraúna de Moura, 58, elogiou a iniciativa. “Todo dia que eu sair para trabalhar vou vir tomar esse café. Foi uma ótima ação que vai beneficiar quem precisa. Agora vou ficar esperando o Restaurante Popular”, comentou Joana.

O líder comunitário Marcos Raimundo agradeceu a instalação do Café Cidadão no bairro. “Uma iniciativa cidadã que vêm complementar a alimentação de forma saudável e acessível às pessoas de baixa renda. Nosso populoso bairro recebe de forma agradecida. A próxima etapa será o Restaurante Popular, um grande apelo nosso”.

Os novos Cafés Cidadão irão beneficiar Natal (Zona Norte e Zona Oeste), Goianinha, Baraúna, Patú, Monte Alegre, Tangará, Santana do Matos, Touros, Lajes, Alexandria e Alto do Rodrigues. Serão mais 62 mil cafés por mês, totalizando 84 mil cafés por mês.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!