Garoto Paquistanês escapa de massacre devido à falha no despertador

Dawood Ibrahim é um dos alunos que sobreviveram após sofrerem com o massacre na escola militar de Peshawar, localizada no Paquistão, na última terça-feira (16). De acordo com o Daily Mail, o garoto tem 15 anos, e é o único de sua classe que não morreu. O motivo foi que ele escapou por causa de seu despertador, que não tocou aquele dia, fazendo-o perder o horário da aula.

Dawood Ibrahim, foto: divulgação
Dawood Ibrahim, foto: divulgação

Ibrahim era membro da classe 9, na qual um homem-bomba pode ter matado todos os alunos de uma só vez. O garoto passou terça e quarta-feira indo aos funerais dos colegas mortos no massacre. O seu irmão mais velho, Sufyan Ibrahim, afirmou a história de sorte do adolescente. “Ninguém da sala dele sobreviveu. Todas as pessoas morreram no local…”, contou. O massacre foi realizado por extremistas talibãs que ocasionou na morte de menos 141 pessoas, sendo em sua maioria crianças e adolescentes, nesta ultima terça-feira.

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!