Home Notícias Brasil RN Em Mossoró (RN), verba de carnaval será usada para adquirir raios-x

Em Mossoró (RN), verba de carnaval será usada para adquirir raios-x

Em Mossoró (RN), verba de carnaval será usada para adquirir raios-x
Foto: Divulgação
0

A Secretaria Municipal de Saúde informou que a verba que seria destinada ao carnaval em Mossoró, no Rio Grande do Norte, foi remanejada para a compra de três novos aparelhos de raio-x, em substituição aos equipamentos atuais.

O titular da Secretaria de Administração do Executivo Municipal, Marcos Fernandes, informa que a Nota de Empenho para a aquisição já foi assinada e a previsão é que os aparelhos cheguem ao município em até 60 dias. “O processo licitatório já estava concluído desde o ano passado, mas, devido aos problemas financeiros, somente agora foi possível concretizar a compra”, declarou.

Os aparelhos serão instalados no Centro Clínico Professor Vingt-un Rosado (PAM do Bom Jardim) e Unidades de Pronto Atendimento (UPA) do Belo Horizonte e Santo Antônio. A aquisição representa um investimento de R$ 550 mil e estima-se que os gastos com carnaval este ano poderiam se aproximar desse valor, considerando a verba específica prevista para o evento e todo o custeio da infraestrutura e logística que seriam demandados de várias secretarias.

Diante do atual momento econômico do País, o prefeito Francisco José Júnior decidiu cancelar os festejos e remanejar os recursos para a Saúde. “Nós sempre sentimos o valor da cultura, e vínhamos ampliando os investimentos no Carnaval. No ano passado, o Pingo da Meia Noite, por exemplo, foi um grande sucesso e importante economicamente para a cidade, mas em virtude da crise, já havíamos reduzido o valor orçamentário para esse ano e, em decorrência da continuidade da crise, a suspensão da festa foi inevitável, pois existem outras prioridades nesse momento, além desse tão importante e valioso bem que é a cultura”, ressaltou o Chefe do Executivo Municipal.

Mossoró não é a única cidade potiguar a cancelar os festejos de momo. A prefeitura de Guamaré também cancelou o carnaval atendendo recomendação do Ministério Público do Estado. A prefeitura de Upanema, trocou os festejos de carnaval por iluminação pública e açudes na zona rural. Já a prefeitura de Macau destacou a crise econômica e a seca como motivo para cancelar os festejos. Já o Governo do RN vetou ajuda financeira para festas de Carnaval no Estado.

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!