Home Notícias Brasil RN Detran fiscaliza trânsito de veículos na faixa de areia das praias

Detran fiscaliza trânsito de veículos na faixa de areia das praias

Publicidade

Detran fiscaliza trânsito de veículos na faixa de areia das praias
Fiscalização passou por Redinha, Santa Rita, Genipabu e Barra do Rio (Foto: Detran/RN)
0
Publicidade

O Detran e o Comando de Policiamento Rodoviário Estadual (CPRE) realizaram no domingo (15) mais uma ação da Operação Orla Segura, com intuito de fiscalizar o tráfego irregular de veículos na faixa de areia das praias do Rio Grande do Norte. As intervenções foram focadas nas praias do litoral Norte, compreendendo Redinha Nova, Redinha Velha, Santa Rita, Genipabu e Barra do Rio.

De acordo com a coordenadora de Educação e Fiscalização de Trânsito do Detran, Débora Gurgel, diversas infrações foram flagradas durante a operação, sendo as mais comuns o tráfego irregular de veículos na faixa de areia de praia, automóveis com capacidade de passageiros acima do permitido, menores de sete anos trafegando no banco da frente do veículo, além de condutores com CNH vencida. “Todos os condutores encontrados em situação infracional foram autuados e apreendemos ainda três motocicletas circulando em desacordo com o Código de Trânsito”, comentou.

Uma medida de prevenção tomada durante a Operação é que todos os motoristas abordados trafegando na areia da praia são submetidos ao teste do bafômetro. A intenção é inibir o uso de álcool e direção, principalmente nos locais onde existe grande movimentação de banhistas. “O tráfego de carros na praia já é um perigo para os banhistas e se o condutor estiver embriagado a situação é ainda mais grave, porém todos os testes de alcoolemia realizados deram negativos”, informou Débora Gurgel.

O trabalho de fiscalização do Detran e do CPRE nas praias será ainda mais intensificado a partir do mês de dezembro com a deflagração da Operação Verão.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!