Coreia do Norte lança novo míssil que cai em área japonesa

(ANSA) – A Coreia do Norte lançou nesta quarta-feira (3) dois mísseis balísticos de sua costa com direção ao Mar do Japão. Um falhou logo após o lançamento, mas o outro conseguiu atingir as águas sob domínio de Tóquio. O ministro da Defesa do Japão, Gen Nakatani, ordenou o estado de alerta devido aos exercícios militares do país vizinho.

O governo também condenou o teste, acusando a Coreia do Norte de violar as resoluções das Nações Unidas e de colocar em risco as frotas comerciais. Tóquio confirmou que um dos mísseis caiu nas águas territoriais japonesas, a cerca de 250 quilômetros a oeste da península de Oga, depois de ter sobrevoado por cerca de mil quilômetros sobre o Mar do Japão. Foi a primeira vez que um míssil atingiu as águas japonesas desde 1998.

A agência de notícias Yonhap, citando fontes militares, informou que o míssil lançado era de médio alcance, do tipo Rodong, que poderia alcançar até 1.300 quilômetros e, de fato, cair em território japonês. Os Estados Unidos já condenaram o lançamento dos mísseis, assim como a Itália.

“Trata-se de um gesto que ameaça a paz e a segurança internacional, em aberta violação das resoluções do Conselho de Segurança da ONU”, disse um comunicado do Ministério das Relações Exteriores da Itália.

O teste ocorreu nas mesmas diretrizes dos feitos em julho, quando três mísseis foram lançados cobrindo uma distância de 500 a 600 quilômetros antes de caírem no mar.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!