Home Notícias Mundo Casal é preso após torturar e matar menino de 3 anos nos EUA

Casal é preso após torturar e matar menino de 3 anos nos EUA

Publicidade

Casal é preso após torturar e matar menino de 3 anos nos EUA
0
Publicidade

Um crime cruel chocou moradores da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Um casal foi preso sob acusação de ter torturado até a morte o filho de 3 anos da mulher. De acordo com informações da polícia divulgadas nesta última quinta-feira (6), a criança estava sendo agredida já há algumas semanas e chegou a óbito após três dias de tortura. As informações são do portal G1.

Scott foi torturado até a morte. Foto: Chester County District Attorney's Office/AP / Reprodução G1.com
Scott foi torturado até a morte. Foto: Chester County District Attorney’s Office/AP / Reprodução G1.com

As agressões partiram de Jillian Tait, de 31 anos, e Gary Lee Fellenbaum, de 23 anos. Eles foram acusados de pendurar o menino, Scott McMillan, em uma corda para agredi-lo com uma frigideira, ocasionando sua morte. O casal foi indiciado por assassinato e por agressão agravada, devido ao espancamento do irmão mais velho de Scott.

O casal passou a morar junto no mês passado, com os dois filhos de Jillian, de 3 e 6 anos, e com a ex-mulher e a filha de Gary Lee, de 11 meses. De acordo com a promotoria, as agressões começaram com espancamentos esporádicos e evoluíram para um abuso “concentrado, repetido e escalado”.

A ex-mulher de Gary, Amber Fellenbaum, também foi indiciada. No processo, ela foi acusada de colocar crianças em risco por não ter ajudado as vítimas. Ela acabou chamando a polícia na noite de terça-feira (4), depois que Scott já estava desacordado por horas. Desacordo, o menino foi colocado em um colchão enquanto o casal saiu para fazer compras. Só então, Jillian, em depoimento à polícia, disse que foi checar Scott e pediu que alguém ligasse para o serviço de emergência porque ele não estava respirando.

Os investigadores não encontraram nenhuma evidência de consumo de álcool ou drogas na casa. O casal foi preso sem direito a fiança. Uma audiência foi marcada para o dia 14 de novembro.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!