Home Notícias Brasil RN Natal Câmara discute reestruturação do Presépio de Natal

Câmara discute reestruturação do Presépio de Natal

Publicidade

Câmara discute reestruturação do Presépio de Natal
Foto: flickr.com
0
Publicidade

A Câmara Municipal de Natal realizou uma audiência pública na manhã da última quinta-feira (9), proposta pelo vereador Maurício Gurgel (PSOL), para debater a reutilização do Presépio de Natal, obra do arquiteto Oscar Niemeyer, localizada na avenida Prudente de Morais, no bairro de Candelária. A audiência contou com a participação de representantes das secretarias de esporte e lazer do estado e do município, bem como vereadores e pessoas que utilizam o local para a prática esportiva.

“Nós queremos garantir que aquele espaço continue sendo utilizado para a prática do esporte e lazer, visto que faltam esses espaços na cidade. Aquele local foi abandonado pelo poder público até que os atletas passassem a cuidar e utilizá-lo. Agora há projeto para o local, mas precisa incluir as atividades que já existem lá”, explica Maurício Gurgel.

Inaugurado em 2006, o Presépio de Natal custou R$ 1,7 milhão aos cofres públicos. Por anos permaneceu ocioso, sendo depois utilizado por aulas práticas de auto-escolas, sendo cogitada até a possibilidade de abrigar o primeiro Centro Cultural do Banco do Brasil do Nordeste. Recentemente, praticantes da patinação e skatistas, realizaram a limpeza do local e passaram a utilizá-lo para a prática esportiva.

Na audiência, o secretário estadual de esporte e lazer, Francisco Canindé de França, revelou que o governo estuda transformar o local na sede da secretaria, o que, segundo Maurício Gurgel, não traria prejuízos para o espaço atualmente destinado ao esporte e lazer. Em contra partida, o governo do Estado traria melhorias ao local.

Já houve, inclusive, um contato com o escritório do arquiteto Oscar Niemeyer, para estudar as possíveis adequações do local. “Junto com a Secretaria de Infraestrutura preparamos o projeto para transferir a secretaria para lá. Nosso objetivo é valorizar a obra do grande Oscar Niemeyer, dar funcionalidade ao imóvel, trazer economicidade deixando o prédio alugado da secretaria e promover uma gestão compartilhada com os grupos que lá utilizam”, explicou.

Para o presidente da Associação Potiguar de Skate (APS), Franklin Medeiros, a proposta traz alívio, visto que havia o temor de que os grupos de esportistas não pudessem mais utilizar a área. “Traz expectativas totalmente boas. Não queremos tomar posse do local. Queremos que seja mesmo estruturado e que possamos contribuir também, de forma que continuemos tendo direito a realizar nossas atividades lá”, declara.

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!