Home Notícias Brasil RN Bombeiros orientam sobre os cuidados com fogos de artifício no período junino

Bombeiros orientam sobre os cuidados com fogos de artifício no período junino

Publicidade

Bombeiros orientam sobre os cuidados com fogos de artifício no período junino
Foto: Nestor Muller/ Secom-ES
0
Publicidade

Nesta época em que são celebradas as festas juninas, além das comidas, bebidas e danças típicas, uma das atrações que diverte tanto a garotada quanto aos adultos são os fogos de artifício. No entanto, o Corpo de Bombeiros alerta que é preciso tomar cuidado antes de soltá-los, para que ninguém se machuque.

“A utilização dos fogos de artifício deve ser feitas longe de pessoas, residências ou fios de eletricidade, nunca deverá ser reutilizado caso tenham falhado, jamais deverá ser alterado e nem utilizado por quem esteja consumindo bebida alcoólica, entre outros”, orienta o Capitão Daniel Gleidson, do Serviço Técnico de Engenharia do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Norte.

Visto de longe parece inofensivo. O que era para ser uma brincadeira pode se transformar em tragédia caso não seja bem utilizado. No caso de queimaduras, a primeira previdência é manter a calma e acionar os bombeiros (193) ou Samu (192), que vão encaminhar o paciente à unidade mais próxima para o tratamento emergencial.

“Em caso de queimadura deve-se utilizar apenas água corrente, no tratamento imediato. Nunca aplique gelo, óleo, pasta de dente, clara de ovo. Esses agentes podem irritar ainda mais os tecidos expostos. Caso haja roupa grudada na região da queimadura, não remova, apenas corte a mesma ao redor da lesão. As bolhas nunca devem ser furadas”, aconselha o Capitão Daniel Gleidson.

Incêndios preocupam o Corpo de Bombeiros no período junino

O Corpo de Bombeiros fica em alerta durante o período junino em função do aumento do comércio de fogos de artifício em todo o estado. A preocupação da Corporação aumenta consideravelmente, isso porque além das ocorrências rotineiras, o Corpo de Bombeiros sempre é acionado para combater fogo em terreno baldio provocado pela utilização inadequada de fogos de artifícios.

O Capitão Daniel Gleidson, que atua no Serviço Técnico de Engenharia do Corpo de Bombeiros do RN (SERTEN), explica que as causas de um incêndio são muitas e que uma simples “bombinha” jogada no mato seco pode ser responsável pela destruição de grandes áreas de matas. “As pessoas que queiram utilizar fogos de artifício, precisam usar de acordo com a faixa etária e segundo as instruções do produto, pois podem acabar causando acidentes”, disse o oficial.

Publicidade

Rafael Nicácio Editor e repórter do Portal N10. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do RN) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN).
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!