Ativista do Femen tira estátua do ‘Menino Jesus’ do presépio no Vaticano

As forças de segurança do Vaticano e policiais italianos prenderam uma integrante do grupo feminista ucraniano Femen após ela pegar a estátua do Menino Jesus do presépio da Praça de São Pedro.

A mulher, com o peito descoberto e a frase “God is woman” (Deus é mulher) escrita no corpo, entrou na praça enquanto o papa lia sua mensagem de Natal na varanda da basílica. Gritando frases contra a Igreja Católica, ela subiu no monumental presépio colocado na Praça de São Pedro e pegou a figura, mas logo foi detida quando tentava escapar.

 

A mulher estava com o peito descoberto e a frase "God is woman" (Deus é mulher) escrita no corpo (Foto: VINCENZO LIVIERI/AFP)
A mulher estava com o peito descoberto e a frase “God is woman” (Deus é mulher) escrita no corpo (Foto: VINCENZO LIVIERI/AFP)

 

Na mensagem de Natal, papa Francisco lembrou as mortes infantis em conflitos mundiais e citou as mais de 132 crianças mortas no Paquistão em um atentado realizado na semana passada, realizado pela milícia islâmica extremista Talibã.

Não é a primeira vez que ativistas do Femen realizam uma ação no Vaticano. Em 14 de novembro, várias delas protestaram com o peito descoberto contra a visita que o papa Francisco fez ao parlamento Europeu em Estrasburgo, na França, em 25 de novembro.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato (contato.portaln10@gmail.com) para solicitar a matéria!