Home Notícias Brasil RN Aposentados que não fizerem o recadastramento terão benefícios suspensos

Aposentados que não fizerem o recadastramento terão benefícios suspensos

Publicidade

Aposentados que não fizerem o recadastramento terão benefícios suspensos
Foto: Marcos Santos/USP Imagens
0
Publicidade

O Instituto de Previdência dos Servidores do Estado do Rio Grande do Norte (Ipern) está convocando os servidores aposentados e pensionistas para que façam o recadastramento dentro do mês de aniversário. O não comparecimento irá acarretar na suspensão do pagamento no mês subsequente.

O recadastramento poderá ser feito na sede do IPERN, que funciona na Rua Jundiaí, nº 410, Tirol; nas agências de Mossoró, Currais Novos e Caicó, ou nas unidades que funcionam nas Centrais do Cidadão nos seguintes municípios: Parnamirim, Pau dos Ferros, Alexandria, Caraúbas, Assú, Santa Cruz, Nova Cruz, João Câmara, São Paulo do Potengi, São José de Mipibú, Macaíba, Ceará-Mirim e Alto do Rodrigues.

Aposentados e pensionistas, que residem em outros Estados, podem fazer o recadastramento através do site do Ipern, www.ipe.rn.gov.br, obtendo o formulário no link Recadastramento, imprimir e reconhecer a firma com assinatura presencial em Cartório, anexar cópias autenticadas do RG, CPF, um comprovante de residência e certidão de nascimento ou casamento, atualizada em um ano e, enviar à sede do IPERN através dos Correios.
Vale ressaltar que o recadastramento é obrigatório e deve ser realizado anualmente, dentro do mês do aniversário do segurado. Neste mês de setembro 3.724 beneficiários estarão aniversariando. O objetivo do censo é manter os dados cadastrais atualizados e evitar pagamentos indevidos de benefícios.

Os que não puderem comparecer por problemas de saúde, idade ou locomoção, deverão nomear um representante através de procuração pública, ou solicitar, apresentando atestado médico, visita ao local onde se encontra o segurado.

Publicidade

Rafael Nicácio Editor e repórter do Portal N10. Já trabalhou na Assecom (Assessoria de Comunicação do Governo do RN) e na Ascom (Assessoria de Comunicação da UFRN).
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!