Após acordo com Seturn, rodoviários encerram greve de ônibus em Natal

Em um acordo firmado entre o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sintro/RN) e o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros do Município (Seturn) ficou decidido o fim da greve dos motoristas e cobradores de ônibus em Natal. Apenas 30% da frota ficou circulando na cidade nesta terça-feira (7).

O Sintro queria 14,28% de reajuste, mas na audiência realizada na Superintendência Regional do Trabalho o Seturn ofereceu reajuste de 10% nos salários de motoristas, cobradores e despachantes. O Sintro acabou acatando a proposta e a expectativa é que na madrugada desta quarta (8) a circulação seja restabelecida.

Greve

A rodada de negociação entre o Sindicato dos Transportes Urbanos de Natal (Seturn) e o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários (Sintro-RN), ocorrida na segunda (6), na Superintendência Regional do Ministério do Trabalho, terminou sem acordo.

As reivindicações da classe era conseguir 14.28% de reajuste salarial, 9.28% relativo à inflação mais 5% de ganhos reais. Além de garantir que 80% das linhas tenham cobradores, estabelecer valor unificado de R$350 para vale alimentação e o fim do banco de horas.

Já os empresários ofereceram dois aumentos de 4,79%, um imediatamente e outro em novembro, com extinção da função de cobrador e mudança na forma de pagamento – que passaria de quinzenal para mensal.

você pode gostar também

error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!