Home Turismo Águas transparentes e recife de corais são as atrações de Maracajaú

Águas transparentes e recife de corais são as atrações de Maracajaú

Publicidade

Águas transparentes e recife de corais são as atrações de Maracajaú
Parrachos de Maracajaú (Foto: SETUR-RN)
0
Publicidade

A Praia de Maracajaú, também conhecida como o caribe brasileiro, é uma comunidade costeira localizada no município de Maxaranguape, litoral norte potiguar. Com uma população de pouco mais de dois mil habitantes, suas principais fontes de renda são a pesca e o turismo. A 55 quilômetros de Natal, o distrito é famoso por seus parrachos – formações de corais – a sete quilômetros da costa. Na orla da praia, encontram-se o Ma-Noa Park, pousadas e restaurantes. Outros destaques ficam por conta dos mergulhos nos parrachos e passeios de quadriciclo e buggy pelas redondezas.

Paraíso dos parrachos

O mar é uma das principais atrações. Os passeios aos famosos parrachos podem ser feitos de barco ou de lancha. Indo de barco, dura três horas e sai R$ 60 para o adulto, mais o snorkel. Crianças de 7 a 10 anos pagam R$ 40. Já de lancha, o passeio dura 1h30 e custa R$ 70 para o adulto, mais o snorkel. Eles levam os turistas a sete quilômetros de distância da costa, onde ficam os recifes de corais. É preciso reservar em uma das seis operadoras de turismo com antecedência.

Na maré baixa, os recifes formam piscinas de águas mornas e cristalinas onde é possível mergulhar em meio a peixes coloridos. Bastante preservadas, as formações abrigam rica fauna marinha como budiões, baiacus, robalos, polvos e moréias, vistos com máscara e snorkel.

Depois da travessia, feita em lanchas rápidas, catamarãs, barcos de pescadores ou jangadas, os visitantes chegam a um flutuante – ponto fixo de onde os grupos de mergulhadores partem para vislumbrar as belezas submersas. Lá embaixo, ninguém pode tocar em nada, de acordo com as normas de preservação. Em Maracajaú, também é possível mergulhar com cilindro.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma das coisas mais impressionantes nos parrachos de Maracajaú é a cor da água. De tão transparente, dá para ver os peixes no fundo e também as pedras. Por isso esse é um dos mergulhos mais procurados da região. Com o equipamento de mergulho é possível conhecer as espécies marinhas espalhadas por 13 km² de parrachos. Ele custa R$ 125, por 30 minutos. A profundidade varia entre um e quatro metros. A temperatura da água fica entre 26º e 28º.  O melhor período para mergulho na Praia de Maracajaú é de novembro a março.

Diversão em terra

De quadriciclo dá para explorar as dunas fixas de Maracajaú e ainda arriscar algumas manobras. O passeio de 30 minutos custa R$ 70. A velocidade pode chegar a 30 km/h, mas a impressão é de uma velocidade bem maior.

Foto: Maracajaú Turismo e Imóveis RN
Foto: Maracajaú Turismo e Imóveis RN

Árvore do Amor

Não deixe de visitar a Árvore do Amor, um “abraço” entre duas gameleiras, árvore típica da região, provocado pelos fortes ventos que sopram por ali. Maxaranguape oferece também um rico artesanato, com peças produzidas em junco, palha, algas e madeira.

Foto: Setur - RN
Foto: Setur – RN

Maracajaú fica próxima de todos os atrativos turísticos do Litoral Norte como as praias de Punaú, de Jacumã e de Genipabu; da Lagoa de Pitangui e das vilas de São Miguel do Gostoso e de Touros.

Pousada caseira Maracajaú

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um lugar supertranquilo, com ambiente agradável, ótimos preços em diárias e uma culinária de encher a boca d’água só em sentir o cheiro. Escondidinho de carne de sol, Lagosta e a Pizza caseira, são ótimas pedidas!

COMO CHEGAR

Saindo de Natal rumo ao litoral Norte, seguir pela BR 101 em direção a Touros. Táxi e ônibus, com horários de ida e volta, consultar o link a seguir Maracajaú Turismo.

Conheça mais sobre esse paraíso potiguar que encanta qualquer pessoa:

Publicidade

Romário Nicácio Administrador de Redes. Redator e co-fundador do Portal N10. Redator de sites desde 2009.
error: Conteúdo protegido, entre em contato ([email protected]) para solicitar a matéria!